Ortopedia | Cirurgia da Mão | Medicina Esportiva | Artroscopia

Dr. Eduardo Pereira e Dr. Luciano Pereira

Evite dor nas Costas

Posted janeiro 3rd, 2012 by Dr. Eduardo Pereira with 1 Comment

A dor nas costas é um dos problemas mais comuns no consultório do ortopedista. Com raras exceções, todo mundo ou já teve, ou tem, ou terá dor nas costas.

A coluna funciona como uma pilha de tijolos, onde as vértebras mais inferiores sustentam todo o peso. Entre as vértebras existe uma espécie de “almofada gelatinosa”, o disco intervertebral.

Podemos destacar os fatores mais comuns, relacionados com o aparecimento da dor nas costas:

Causas anatômicas (forma errada de pisar, defeito na formação da estrutura da coluna, diferença entre o comprimento das pernas)

Deficiências posturais: hiperlordose, cifose…

Excesso de peso: mesmo 2-3kgs podem fazer diferença, experimente carregar um bebê o dia inteiro.

Sedentarismo: passar longo período sentado (a pior posição para a coluna) é muito prejudicial. É importante a cada meia hora dar uma levantada. Além disso, a inatividade enfraquece e encurta a musculatura que dá sustentação para a espinha dorsal.

Erro na forma de realizar atividades diárias: A coluna é sobrecarregada quando o corpo é flexionado ou rodado. É preciso atenção na forma de sentar, como se abaixar para apanhar algo ou carregar peso. Procure não dormir em um colchão onde a sua coluna afunda.

 

Excesso de impacto: algumas atividades esportivas podem acelerar o desgaste, sobrecarregando a musculatura, o disco e até causar fraturas por fadiga na coluna. Entre os esportes onde a coluna é mais castigada, destaca-se a ginástica olímpica, halterofilismo, golfe, maratona. No caso do tênis, o excesso de rotação do tronco e a hiper extensão da coluna no saque, associados ás súbitas mudanças de direção durante o jogo, podem, no caso de algum descuido com o seu corpo, fazer você sair “travado” da quadra.

“stress”:causa um tensionamento da coluna, nossa postura se deteriora; os ombros “enrolam-se para dentro´´, o pescoço endurece, os músculos ficam encurtados, a respiração se torna mais restrita.

Artrose: ocorre espessamento do osso com o aparecimento de saliências (“os bicos de papagaio”) que podem diminuir o espaço para a passagem dos nervos.

Osteoporose: o osso fica mais poroso e pode sofrer achatamento da vértebra, fato que pode ser bem doloroso, tornando o indivíduo mais baixo e encurvado.

Hérnia de disco: Com a sobrecarga, já a partir dos 25 anos, o disco começa a sofrer um processo de desidratação, tornando-se mais frágil e podendo sofrer um abaulamento, a hérnia de disco que acaba por comprimir a saída dos nervos da coluna, causando dor irradiada para a perna.

Causas não ortopédicas: cuidado! A dor nas costas pode ser reflexa de outro problema, como por exemplo, cálculo renal, tumor de próstata ou pancreatite.

Se você se enquadra em algum destes fatores procure prevenir a dor e não deixá-la se instalar e prejudicar a sua qualidade de vida.

One Response to “Evite dor nas Costas”

  1. francisca 15/07/2012

    eu sinto muita dor nas costas eu acho que e de ficar muito tempo sentada trabalhei de costureira ficava o dia todo sentada saie tem 1 mez vou ver se melhora,mais até agora continua doendo muito,um abraço

Leave a comment